existir

A EXISTIR surgiu em 2001, por iniciativa de um grupo de pais de crianças com Síndrome de Down, com o propósito de constituir uma entidade privada, sem fins lucrativos, que apoiasse crianças portadoras de necessidades especiais, em especial a Síndrome de Down. Fundamos a Entidade em fins de 2004, com o seu registro em 25.01.2005, tendo por objetivo um projeto diferenciado, ou seja, trabalho em grupos de crianças com Síndrome de Down a partir dos 2 anos de idade.

quinta-feira, 14 de abril de 2016


O Que Causa a Apraxia de Fala?

Recentemente a Fabiana me encaminhou um texto e me pediu para traduzir e disponibilizar ao grupo. É m texto escrito por uma Fonoaudióloga americana e que foi retirado do site da CASANA. Traduzi e compartilho com vocês. É longo, mas vale a pena a leitura!
Uma pergunta frequente dos pais é: o que causa a Apraxia de Fala?
O que temos de conhecimento até o momento é que a Apraxia pode estar relacionada às seguintes condições:

1. Pode ser causada por alguma infecção, doença ou trauma durante ou após o nascimento da criança. E nesta categoria estão inclusas aquelas crianças que tem achados positivos em exames como Ressonância ou com lesão cerebral.

2. Outros fatores são os transtornos do neurodesenvolvimento. Nestes casos, a Apraxia pode ocorrer secundariamente a outras condições, de origem genética, metabólica ou doenças mitocondriais. Nesta categoria, estão inclusas situações como o Autismo, Síndrome de Down, Síndrome do X-Frágil (isso mesmo, as crianças podem ter esses diagnósticos e ter também ter Apraxia!). também nos casos de galactosemia, algumas formas de Epilepsia, alguns tipos de translocações ou deleções cromossômicas). Isso não significa que todas as crianças com estes diagnósticos terão Apraxia, mas pode ocorrer.

3. A terceira condição: Apraxia idiopática (que significa: causa desconhecida). E acrescento aqui uma observação minha: a maioria das crianças com Apraxia pertencem a esta categoria: já fizeram inúmeros exames e sem achados! Para os pais isso é uma angústia! Geralmente estas crianças não apresentam normalidades neurológicas observáveis ou detectadas nos exames tradicionais.

Alguns especulam que a Apraxia pode ocorrer devido condições ambientais, como a exposição a poluentes e toxinas antes ou depois do nascimento. Outros especulam que pode estar relacionada a déficits nutricionais. Mas isso, são especulações, uma vez que até o momento não existem pesquisas com evidências.

Diante disso tudo, o que sabemos é que uma criança com Apraxia e com boa saúde, irá se beneficiar mais da aprendizagem do dia-a-dia e das terapias. Crianças que ficam constantemente doentes, com infecções de ouvido, sinusite, hipertrofia de amígdalas, adenóide, asma, alergias, distúrbios do sono, de atenção, poderão ter dificuldades no aproveitamento das terapias realizadas.

Por isso, ajudar o seu filho ou filha ser “saudável” é muito importante. E vocês podem ajudar nisso. Eles poderão aproveitar melhor as terapias. Eu também incluo aqui, a alimentação adequada (evite muito doce, refrigerantes,frituras, etc)...nossa alimentação é adubo para nosso cérebro!

E sobre as causas? Possivelmente iremos aprender que a Apraxia é causada por múltiplos fatores. À medida que as pesquisas avançarem, saberemos se poderemos reduzir, eliminar ou não a causa ou se poderá ser algo evitável ou não.

Até o momento, então sabemos de uma coisa MUITO IMPORTANTE: que a terapia fonoaudiológica, ADEQUADA, adaptada à dificuldade no planejamento motor da fala e frequente (intensiva) é a ÚNICA oportunidade para a criança com Apraxia, melhorar a sua capacidade de fala. Crianças saudáveis aproveitarão e terão um melhor rendimento.
Referência: Associação Norte-Americana de Apraxia de Fala na Infância. Tradução: Dra. Elisabete Giusti, Fonoaudióloga.


Nenhum comentário:

Postar um comentário